O’Captain my captain.

Tudo que aprendemos vem com o preço do esforço de alguém, com dias pensando o que dizer, como dizer a hora de dizer.... Tudo que aprendemos faz de nós quem somos, faz nós desejarmos quem queremos ser, faz nós termos o discernimento em quem nos espelhar... O’Captain my captain

Aquele cansaço, aquele desanimo, aquele medo do que está por vir.... são com vocês que sanamos, são com vocês as maiores conversas sobre o pode ser que virá, sobre as nossas opções, ou pelo menos são as conversas que nos dão a luz maior no fim do túnel... O’Captain my captain.

 “ninguém é tão grande que não possa aprender, e nem tão pequeno que não tão grande que não possa ensinar” – Augusto Cury.

Trabalho mais lindo do mundo, se doar, se entregar, querer fazer do  mundo um lugar melhor, com pessoas mais esclarecias. Trabalho sofrido, desvalorizado, cuja importância não é vista como merecida.... O’Captain my captain.




Sempre tem aqueles que deixam marcas, as vezes boas as vezes ruins, mas no fundo todos sabem que a intenção é a melhor do mundo. O’Captain my captain.... Obrigada por fazerem de mim quem eu sou, obrigada por tudo que eu sei e por fazerem eu saber o que eu quero ser.... O’Captain my captain obrigada a todos vocês meus professores!


eu me apaixonei por tantas coisas....

Fazia tempo que não me sentia apaixonada,  que não sentia aquele friozinho da barriga de nervoso ao  ver alguém, que não tinha aquela vontade de roubar um beijo quando esse alguém menos imagina... que não me pegava aquele sorriso bobo que aparece só de lembrar de você.  E esse é aquele momento que percebo que você roubou todas as músicas melosas de mim, que agora todas elas são sobre você... aquele momento que percebo que me roubou meus filmes bregas favoritos... que roubou meu fôlego.

Não estava nos meus planos me apaixonar, assim como sei que não estava nos seus, mas foi acontecendo... e acontecendo... que quando menos vi não me imaginava longe dos seus braços.  E parece que quando o inesperado acontece, aquilo não parecia tão sem sentindo quanto no inicio, o que agora parece estranho é ter demorado tanto tempo pra encontrar você.



Quem diria que se apaixonar por um amigo ia dar tão certo?! Porque eu realmente  me apaixonei.... e como me apaixonei. Mas me apaixonei não só por você, mas por tantas coisas.... por acordar coberta quando sabia que tinha ido dormir sem cobertor, pelo chá quentinho quando to doente, por aquele beijo inesperado que indiscutivelmente encaixa.... pelo abraço que acalma.

Sei que não tenho motivos para ter dúvidas, mas as vezes me pego pensando se isso tudo é recíproco, se você também se sente assim... porque meu bem... se tudo isso, que parece ser tão bom para ser verdade, não for mentira... ah... aí sim que você não vai mais se livrar de mim.